Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Sentir-se no seu melhor - o seu alvo é a vida

Por vezes parece que a diabetes se resume somente a números. Mas os seus esforços para se manter antes e depois das refeições dentro dos seus limites de glicemia, assim como cumprir o seu objectivo HbA1c, depende de você se sentir no meu melhor hoje e nos próximos anos.

Auto-monitorização vs. HbA1c e porque é que precisa dos dois

Para seguir com precisão o progresso do seu próprio cuidado, o seu profissional de saúde irá, provavelmente, querer fazer uma comparação da sua auto monitorização e do resultado do seu teste HbA1c. Porquê? Um teste que faz a si próprio só mostra a sua glicemia num certo momento no tempo. Pode inserir resultados individuais num gráfico para verificar o padrão e encontrar maneiras de melhorar o seu controlo. Porém, as amostras das células de hemoglobina do teste HbA1c, que estão no seu sistema durante aproximadamente 3 meses, dão-lhe uma visão mais alargada.1

Mesmo assim, trata-se de uma média, assim os resultados do HbA1C não podem ser vistos isoladamente.

Pense nisto: uma pessoa cujo sangue flui entre 50 a 250 mg/dL, pode ter em média uma glicemia de 150mg/dL e um HbA1C de aproximadamente 7%.

Por si só, pode parecer muito saudável, mas não é totalmente seguro o sangue fluir entre 50 a 250 mg/dL. O sangue a correr a 50 mg/dL é perigosamente baixo, ao passo que fluir a 250 mg/dL vai-se traduzir num dia de exaustão, sede e, geralmente, mau estar.2

Melhor hoje e melhor amanhã

Você já sabe que manter a sua glicemia controlada significa diminuir o risco de doenças e problemas de saúde no futuro, mas não tem que esperar para que os seus esforços tenham resultados. Controlar a sua glicemia significa que tem mais energia, dorme melhor e até o seu humor melhora.3

Intervalo alvo

HbA1C: <6 ou 7.0%, dependendo de factores pessoais1,2

Glicemia pré-refeição: 70-130 mg/dL

Glicemia pós-refeição : <180 mg/dL

Evitar que a glicemia seja uma montanha russa

Mesmo que a média do resultado HbA1C pareça saudável, os números da glicemia não devem ter oscilações perigosamente acentuadas.1

1International Diabetes Federation. Diabetes education modules 2011: clinical monitoring.  Disponível em: http://www.idf.org/education/resources/modules-2011/download. Consultado a 30 de Junho de 2015.

2Phillips PJ, Leow S. HbA1C, blood glucose monitoring and insulin therapy. Aust Fam Physician. 2014;43(9):611-615. Disponível em: http://www.racgp.org.au/afp/2014/september/hba1c,-blood-glucose-monitoring-and-insulin-therapy/. Consultado a 30 de Junho de 2015.

3Polonsky WH. Diabetes Burnout: What to Do When You Can't Take It Anymore. Alexandria, VA: American Diabetes Association; 1999:15.