Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Como dar a volta a um dia mau

Todas as pessoas com diabetes têm dias bons e dias maus, dias durante os quais a glicemia está dentro dos limites e outros nos quais parece que nada resulta. Quando sentir que um dia mau se aproxima, saiba o que pode fazer para o ultrapassar.

A perspectiva é tudo

Mude a sua mente, mude a sua vida. Terá tomado o passo mais importante para ter um dia melhor e uma vida mais saudável, quando olhar para a sua diabetes como alguma coisa que pode influenciar, como uma oportunidade de aprender mais sobre a sua saúde. Não se esqueça de rir! O humor ajuda-o a ver as coisas do dia-a-dia de uma perspectiva nova. É por isso que é um óptimo libertador de stress, puxando-o do seu estado de alma actual, nem que seja por uns momentos.

Seguir em frente

Ninguém é perfeito e, eventualmente, as pessoas com diabetes encontram muitos solavancos no seu caminho. Quer seja uma compensação de glicemia, uma contagem acima ou abaixo dos hidratos de carbono previstos, ou ter-se esquecido de colocar uma pergunta durante a sua consulta médica, você não está sozinho. O objectivo é continuar a seguir em frente e faça do resto do dia um bom dia.

Quando se sentir stressado

Se já está a ter um dia difícil, o stress pode aumentar a sua glicemia.1 Como não podemos eliminar o stress, podemos tentar controlá-lo. Tenha atenção ao que o stress o faz sentir física e emocionalmente. Comece por relaxar afastando-se, nem que seja por 5 minutos, do que o está a deixar nervoso. Comece por fazer algumas pequenas mudanças na sua vida que aliviem o stress que sente atualmente.

Quando se sente emocionado

Quando a sua glicemia está descontrolada, isto afecta o seu humor. Comece por tratá-la. Uma pequena caminhada pode ser outra opção para o ajudar a acalmar, assim como um banho, falar com um amigo e partilhar os seus problemas, fazer alguma coisa que goste como ouvir música ou mesmo fazer uma lista de coisas pelas quais se sente agradecido – mesmo as lições que aprendeu com a diabetes.

Uma palavra sobre a depressão

Todos temos momentos tristes, mas a depressão é diferente. A tristeza, dor, ansiedade são emoções humanas normais que experimentamos por alguns momentos e, eventualmente, recuperamos. Contudo, a depressão é uma doença que causa sentimentos intensos de tristeza, dor ou ansiedade que parecem não ter fim. O seu médico ou farmacêutico pode não perceber que está deprimido. Se pensa que está, peça ajuda. O primeiro passo pode ser difícil de o dar, mas é a única maneira de começar a entender os seus sentimentos, e como estes afetam a sua saúde e o que tem de fazer para avançar em frente.2

Mexa-se mais

Manter-se activo é uma das pedras angulares para controlar a sua diabetes. Se se sente triste ou ansioso, até uma pequena caminhada pelo seu bairro pode faze-lo sentir-se melhor. Distrai-o dos seus problemas, liberta endorfinas, baixa a sua glicemia e ainda o pode ajudar a dormir melhor.

Encontre um grupo local de apoio

Rodeie-se de pessoas que o possam ajudar, emocional ou fisicamente. Amigos e família que gostem de si, mas há qualquer coisa de especial sobre encontrar-se com outras pessoas que partilham as mesmas experiências e preocupações.

Seja o seu melhor amigo

Por vezes, é necessário lutar por si mesmo e exigir que as suas necessidades sejam correspondidas no trabalho, em casa e até mesmo entre amigos.

Não deixe que as pessoas assumam decisões sobre a sua vida com diabetes. Tenha respostas preparadas para perguntas comuns (por exemplo: pode comer outra vez açúcar?) para que todas as pessoas à sua volta estejam informadas sobre o que é e o que não é a diabetes.

Felicidade a longo prazo

Cultivar uma vida de felicidade quando tem diabetes é completamente possível, apesar dos altos e baixos ao longo do caminho. Ao longo dos anos, irá aprender muito através de tentativa e erro, mas cada nova informação vai trazer segurança no controlo da sua diabetes. Trabalhe em parceria com o seu médico para ser o mais saudável possível. Ao longo do tempo vai perceber que, em todos os aspectos da sua vida e do seu dia, o “Eu não consigo” vai ser substituído pelo “Eu consigo”.

Perdoe-se: Erros comuns no caminho da diabetes

  • Não tomar o pequeno-almoço
  • Tratamento excessivo da glicemia baixa
  • Não fazer a contagem dos hidratos de carbono
  • Não controlar o que come e o que bebe
  • Não colocar questões durante as consultas médicas
  • Tentar ser perfeito

1 International Diabetes Foundation. Type 2 Diabetes and Stress. Disponível em:http://www.idf.org/sites/default/files/attachments/article_108_en.pdf Consultado a 30 de Junho de 2015.

2International Diabetes Federation. Diabetes education module 1.2, 2011: Self Management Education.  Disponível em: http://www.idf.org/education/resources/modules-2011/download  Consultado a 30 de Junho de 2015.